Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

the book keeper

05
Jan18

O Sonho Mais Doce

osonhomaisdoce.png

"Os seus retratos das relações humanas são de uma beleza estonteante.

Seria difícil descrever o esplendor deste livro." The Times

 

Publicado em 2001, O Sonho mais doce, escrito pela vencedora do Prémio Nobel da Literatura 2007, Doris Lessing, é a história de uma saga familiar através da qual acompanhamos três gerações, centrando-se sobretudo na década de 60. Acima de tudo, é a história de três mulheres com M grande: Júlia - uma alemã praticamente exilada em Inglaterra, pós Primeira Guerra Mundial; Frances - a mãe de todos e Sylvia - uma jovem frágil que descobre o amor e a amargura num aldeia esquecida por Deus, em África. As três mulheres têm as suas raízes no casarão que serve de albergue a uma grande quantidade de jovens modernos e auto-emancipados, numa altura de proclamação de liberdade, igualdade e fraternidade, assente no fervor comunista que se vivia então.

 

Abordando temas característicos de várias épocas como a guerra fria, a guerra do Vietname, as drogas, o surgimento da SIDA em África, o apogeu e queda do Comunismo, esta é uma narrativa que se centra sobretudo no idealismo e no ser humano, explorando a forma como ambos se relacionam ao longo da vida, e nas relações humanas, familiares e não só. Gostei bastante e recomendo.

 

P.S: Fez-me também recordar o Cem Anos de Solidão de Gabriel Garcia Márquez, o que só pode ser um bom indício, não acham?