Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

the book keeper

23
Mar17

The Marble Collector

themarblecollector.jpg

 

“People don't know that they do that to people when they do the things they shouldn't. Hurtful things are roots,they spread ,branch out, creep under the surface touching other parts of the lives of those they hurt. It's never one mistake, it's never one moment, it becomes a series of moments, each moment growing roots and spurting in different directions. And over time, they become muddled like an old twisted tree, strangling itself and tying itself up in knots.”

 

O segundo que li da Cecelia Ahern foi este The Marble Collector, nele Sabrina Boggs, a personagem principal descobre uma coleção de berlindes que a leva numa viagem ao passado do pai e a faz reflectir sobre a sua própria vida e ligações afectivas. Fez-me pensar sobre o quão alheados podemos estar relativamente à história das pessoas que são fundamentais na nossa vida e no esforço que deveríamos fazer para entender as motivações e contextos de cada um, colocando-nos na pele do outro. Porque se aprende muito mais a ouvir que a falar. <3

 

2 comentários

Comentar post